Um local para homens conscientes de seu papel. Obsv.


Fim do mistério M.Rios: Era fake

09.06.2014 20:25

Nos últimos dias circulou como um rastilho de pólvora virtual, a foto abaixo em que a ex-mulher do Rei Roberto Carlos e atual deputada estadual, Myrian Rios estaria promovendo uma campanha contra o sexo anal.

 Obviamente nesse caso, se fosse verídico, não se trataria apenas do anal com homens - como no caso dos g0ys, mas também de uma forma mais ampla a campanha de Myrian Rios seria também contra o sexo anal com mulheres (nos moldes dos g0ys americanos mais radicais ou ortodoxos).

Na medida que os g0ys ganharam as manchetes dos jornais, a foto era ainda vez divulgada em diversos ambientes da Web, entre elas, em destaque as redes sociais. De fato, a foto convenceu e poucos imaginaram se tratar de uma montagem. Tanto que foi parar em ambientes sérios e que tratam de política, tais como: http://blogdocarlosmaia.com.br/, por exemplo.

Assim como em uma invencionice sem fim, criaram cinco regras mentirosas para os g0ys, também inventaram vários argumentos que teriam sido assinados pela deputada, dos catorze argumentos contrários ao sexo anal, vários eram baboseiras, mas outros nem tanto, como:

 1 - Ânus não é vagina;

 5 - Os coliformes fecais podem fazer o pênis do parceiro adoecer;

8 - A mulher que dá o ânus está dando autorização ao encosto do homossexualismo em sua casa e na vida de seu marido;

12 - Não se engravida pelo ânus; 

13 - Não é um ato natural, pois não é visto na natureza e em nenhum animal,

14 - É um ato que não agrada o coração do Senhor.

O suposto argumento nº 1 é inclusive um slogan apregoado pelo site de Frot g0y  http://man2manalliance.org/  o outro de número cinco apesar de aterrorizante é um preposto verdadeiro em termos de saúde pública. No entanto, em pese o conteúdo e a ampla divulgação da figura, a foto em nada tem a ver com uma postura pública da deputada em prol do movimento g-zero-y.

Inexplicavelmente apesar do texto se for oral, não é gay essa montagem é antiga e data de 2011 e provavelmente até mesmo anterior ao início do movimento aqui no Brasil. A explicação para ter voltado a circular com todo vigor agora em 2014, como se fosse algo recente, claro que tem a ver com a grande repercussão do assunto g0y na mídia impressa e também na web.  No entanto, ainda bem, que esse feito, bem como a sua divulgação, não tem nenhuma relação com o movimento g-y.

A prova disso é fornecida pela própria Myrian Rios http://myrianrios.com.br/blog/esclarecimento-sobre-falsa-campanha/  ao pronunciar-se oficialmente em seu blog, a mais de dois anos atrás. O esclarecimento como pode ser observado, é datado de 29 de março de 2012

Portanto, pelas datas dos eventos torna-se evidente que a montagem não há possui nenhuma relação com nenhuma campanha g0y e nem com a participação da atriz e atual deputada estadual pelo estado do Rio de Janeiro. 

—————

Volver