Um local para homens conscientes de seu papel. Obsv.


Coluna do Psicólogo Breno Rosostolato foi eleita pelos g0ys como sendo a melhor matéria do tema no ano de 2014.

09/02/2015 14:45

O Psicólogo e terapeuta sexual brasileiro, Breno Rosostolato se posicionou afirmando que o movimento g0y não é um mero movimento social, como tantos outros, primeiro chama a atenção por ser um fenômeno 'silencioso', com milhares (ou talvez milhões) de adeptos, no entanto não possui caractéristicas de movimento de protesto, no entanto é um movimento poderoso no sentido do heternomartivo contra-cultural.

Por mexer no conceito de heterossexualidade e ao mesmo tempo posicionar-se de forma indepedente ao LGBTs o novo termo g0y vai ganhando o mundo e de um simples termo aparentemente 'descompromissado' criado no ínicio dos anos 2000, com o tempo as concepções mostraram-se sólidas o suficiente para ser considerada uma nova identidade sexual, não se enquadrando a nenhuma outra orientação sexual masculina, previamente catalogada.

O texto publicado na Revista Top Vitrine foi eleito pelos g0ys presentes no facebook, como sendo a melhor matéria (na verdade trata-se de uma coluna) do ano de 2014. Também ficaram muito bem cotadas a reportagem promovida pelo Jornal de Brasília (dia 10/setembro/2014) e pelo Jornal Extra - Rio de Janeiro (dia 17/maio/2014) com a sua respectiva réplica no Jornal O Globo.

Muito bom os artigos/matérias sobre o tema g-zero-y.

Recomendamos a sua leitura.

Confira o original do texto de Breno Rosostolato no Link: http://www.topvitrine.com.br/artigo/quem-sao-os-g-zero-y o texto também foi replicado  na íntegra em diversos outros canais da Web, abrangendo inclusive o portal do UOL Mixbrasil no dia 07/fevereiro.

 

—————

Voltar